terça-feira, 16 de abril de 2013

PARQUE WITECK: UM PROJETO DE VIDA

Em direção à Cachoeira do Sul, mas na pequena Novo CabraisBR 153 - km 350, um parque ecológico que vale cada minuto, cada quilômetro, cada pedágio, você conhecer.

 Um lugar mágico, preservado e de beleza indescritível, que poderia inspirar muita gente no Vale do Taquari, no estado e nesse país.
Em 1962, uma área de 100 ha  foi adquirida pelo médico ambientalista Acido Witeck. 
Acreditem: "Tratava-se de uma terra degradada pela criação intensiva de gado, queimadas sucessivas e desmatamento das reservas nativas da região. O terreno apresentava relevo acidentado, erodido e sem nenhuma perspectiva de recuperação."
"Em 1966, num espaço de 10ha, foram plantadas as primeiras árvores em um bosque próximo ao que, na época, era a sede da fazenda, bem como criou-se o primeiro reservatório de água que deu origem ao que hoje constitui o Lago Encantado."

"Em 1967 iniciou-se o tratamento paisagístico em frente à antiga sede da propriedade e em 1976 plantaram-se as primeiras coníferas oriundas da Ásia, Europa, Oceania e América do Norte."

 A bióloga Regina  Gressler Buss conta a história da criação do Witeck. Aqui encontra-se parte das cinzas do seu idealizador, por isso o nome "Coração do Parque".
 Gente de toda região e do exterior visitam semanalmente esse cenário privilegiado e de beleza natural e por persistência do homem.

"Em 1991 a área do Parque passou a 70 ha, que é a área atual. A morfologia do terreno, a flora, a fauna, os recursos hídricos e a ação antrópica são elementos que constituem a atual paisagem que caracteriza o Parque. Hoje o número de espécies botânicas existentes na área é de cerca de 2100 espécies, entre árvores, arbustos e forrações, tanto nativas quanto exóticas." 

O arquiteto-paisagista Henrique é filho do dr. Witeck. Apesar da inúmeras dificuldades que tem pela frente é ele, com fibra e garra, quem garante a sustentabilidade do parque.

 "O conhecimento da área faz-se através de trilhas demarcadas ao longo dos caminhos que são interligados aos diversos recantos como da Paz, Europeu, das Caducas e aos lagos Encantado, Mágico, da Paz e Grande Espelho do Céu." Você pode fazer a trilha sozinho ou com Henrique ou Regina.
Impossível não se deslumbrar...
   
Impossível não registrar cada passo.


 "A partir de 2007 começou-se a dar atenção especial à presença de animais, estando em andamento a identificação de pássaros e aranhas que habitam o Parque." 
 Em alguns recantos se escondem duendes. É preciso andar com cuidado próximo ao Lago Espelho do Céu.
"Os lagos Negro e Selvagem não costumam ser abertos ao público por motivo de tratar-se de áreas de preservação." Mas há tantos outros locais para você descobrir...




Henrique promete que a partir de maio, 
haverá casas para passar o fim de semana.
 Convidativo para um piquenique...
"Em 1991 a área do Parque passou a 70 ha, que é a área atual. A morfologia do terreno, a flora, a fauna, os recursos hídricos e a ação antrópica são elementos que constituem a atual paisagem que caracteriza o Parque."

photo Carol Leipnitz
"Hoje o número de espécies botânicas existentes  no parque  é de cerca de 2.100 espécies, entre árvores, arbustos e forrações, tanto nativas quanto exóticas." 

"Um viveiro de produção de mudas permite a reposição das espécies dentro do Parque e a comercialização de algumas delas."

Também foi mpossível não pensar na aridez de minha cidade,na aridez de pensamento dos que se preocupam tanto com o progresso de Lajeado...
 Melaleuca, originária da Austrália.
Inaugurado no ano passado, depois de...
...uma hora e meia de caminhada... 
chega-se nesse recanto...
 ... mais tropical.
 Final da trilha.
Vinho e sanduba.
 Um domingo para iluminar a alma,
para encher os olhos de paz.
Dr. Witeck, imensamente gratos!
Obrigada por não ter construído um condomínio,
uma pedreira ou um sítio só para o seu deleite...


HORÁRIOS DE VISITA:
Aos sábados das 14h às 18h.
Aos domingos e feriados das 10h às 18h.
Valor do ingresso no Parque:
Crianças até 2 anos não pagam.
De 3 a 10 anos, R$ 5,00. 
Acima de 10 anos e adultos, R$ 10,00.

Acesse



5 comentários:

Verinha Portella disse...

Boa noite! Ja faz algum tempo que tomei conhecimento do parque Witeck,e tenho sonhado em o dia que irei conhecer pessoalmente. Se Deus quiser ainda esse ano terei essa alegria. Abraços
veraportella

Manezinho disse...

'Inspirador' é o mínimo pra se dizer. Valeu a dica !

Afonso Maximvs disse...

Nossa !! Que lugar lindo esse parque.
Bem,moro no Rio de Janeiro....é um tanto longe,mas...quem sabe.

Tati disse...

Fiquei encantanda com as fotos.
Lindo demais esse lugar!!!

Mirian Ritzel disse...

O Parque Witeck é um pedaço do paraíso na terra. E sou muito feliz porque tenho o privilégio de poder desfrutá-lo desde 1975, quando meu amigo Henrique e eu éramos dois adolescentes e íamos com nossa turma de escola numa caminhonete Veraneio pilotada pelo Dr. Witeck. Quanta mudança! E para melhor, sempre!
Mirian Ritzel